FANDOM


Penteu, na mitologia grega, foi um semideus rei de Tebas, neto da deusa Harmonia, trisneto de Ares. Era filho de Equionte e Agave. Agave era filha de Cadmo.

FamíliaEditar

Penteu era filho de Equionte e Agave.

Seu pai, Equionte, era um dos semeados (spartoi): depois que Cadmo matou o dragão de Ares, e semeou os dentes do dragão na terra como uma colheita nasceram soldados totalmente armados, que lutaram até a morte, até que só sobraram cinco. Equionte, um deles, comandou que eles parassem de lutar. Os nomes destes semeados (espartos) eram Equionte, Udeu, Ctônio, Hiperenor e Peloro. Para propiciar Ares, Cadmo serviu um ano (equivalente a oito dos anos atuais) a Ares, e depois disso casou-se com Harmonia, a filha da união de Ares com Afrodite.

Agave era um dos vários filhos de Cadmo e Harmonia; Cadmo e Harmonia tiveram quatro filhas, Autônoe, Ino, Sêmele, Agave e um filho, Polidoro.

Dionísio era seu parente, por ser filho de Zeus e Sêmele.

MorteEditar

Foi morto pelo deus Dionísio. Este incitou suas tias a matarem o rei, confundindo-o com um javali, pois este não respeitava os cultos do deus. Mais tarde, foi ressuscitado por ele. O episódio é descrito na peça "As Bacantes" de Eurípedes.

Apesar de ter sido ressuscitado, os parentes de sua linhagem não tiveram a mesma sorte: Sêmele (filha de Cadmo), portanto, sua tia, por ter sido amante de Zeus, foi perseguida até a morte pela deusa Hera. O próprio Dionísio, por ser fruto dessa relação chegou a ficar louco quando ainda era um semideus, porém mortal, por causa dos sofrimentos impostos a ele pela deusa enfurecida. Ino, sua tia, casada com o rei Atamas, enlouquecido pela deusa Hera, em virtude de terem acolhido o jovem Dionísio, viu seu marido matar o filho recém-nascido atirando-o contra a parede. Para fugir de sua ira, jogou-se no mar com seu filho mais velho, Melicerces, nos braços. Os deuses, então, transformaram-nos em duas divindades marinhas, que protegem contra os naufrágios: Leucotéia e Palemon. Seu primo, o herói Actéon, foi morto por seus próprios cães de caça, após ser transformado em um cervo por ver a deusa Ártemis desnuda.

A maldição da família tem início quando seu avô, Cadmo, mata o dragão consagrado ao seu sogro, pai de Harmonia, o deus Ares.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.